Portal Administrável - O destaque que seu negócio merece na web!

Facebook como fonte de tráfego segmentado e não como site

Utilizar o Facebook, ou outra rede social, como sua principal fonte de contato ou como seu próprio site, seria o principal erro a se cometer.

Rafael Stefanovicz Por Rafael Stefanovicz dia 27/07/2016

Facebook como fonte de tráfego segmentado e não como site
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Algumas pessoas ainda acreditam que sua marca estando no Facebook, ou em outra rede social é o bastante para que tenha o devido reconhecimento e sucesso. Utilizando o Facebook, ou outra rede social, como sua principal fonte de contato ou como seu próprio site, seria o principal erro a se cometer, pois a verdade é que você não teria o controle de sua página. Caso futuramente a rede social de Mark Zuckerberg, por exemplo, queira cobrar para você se manter ativo, ou mudar as suas políticas, você ficaria preso a ela, e teria que concordar.

Facebook como fonte de trafego segmentado e não como site
Nem todo mundo possue facebook

Não se esqueça que nem todo mundo tem Facebook, há pessoas que prefiram outras redes sociais. Então caso sua empresa fique amarrada somente ao Facebook, você estaria perdendo estes clientes. Além de você ter um conteúdo que não é personalizado para sua empresa, ficando sempre atrelado aos padrões de posts e layout do próprio Facebook, teria todos os problemas que a inexistência de um site traz para SEO (o que e SEO?).

Quero deixar bem claro, que não estou dizendo que sua empresa não deveria estar no Facebook, mas sim, utilizá-lo de forma correta, como fonte de tráfego e não como seu próprio site ou canal de contato. O Facebook vende fonte de tráfego segmentado, então, utilize-o como realmente deve, levando o público da sua fan page ao seu site, para que aí sim, o seu site estando preparado com uma estrutura otimizada para receber este tráfego, possa converter esse acesso em uma venda ou em inscrição em lista de e-mails, criando realmente uma conexão e relacionamento com seu cliente.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter